A Rua Não É Só Minha

Público Alvo: jovens e adultos, funcionários de empresas e instituições.

EDUCAÇÃO E CIDADANIA NO TRÂNSITO: BENEFÍCIO PARA TODOS!

O objetivo deste Programa é contribuir para a formação de cidadãos conscientes e responsáveis no exercício da cidadania por um trânsito seguro. Isso possibilitará a redução de acidentes, estresse, invalidez, perdas afetivas e financeiras decorrentes de condutas inadequadas e agressivas no processo de ir e vir. Além disso, oferece subsídios e condições para que se crie e se mantenha um convívio seguro, harmônico e gentil nos espaços públicos.

A sua aplicação favorece a redução significativa dos problemas decorrentes de acidentes de trânsito, que afetam, direta ou indiretamente, a vida, tanto no aspecto pessoal quanto no profissional.

O Programa A Rua Não é Só Minha tem uma abordagem diferenciada e exclusiva, destacando situações frequentes no trânsito cotidiano.

Por meio de um trabalho interativo, o Programa oferece não só a conscientização, mas também o conhecimento das implicações de cada atitude no trânsito, o que

amplia cuidados e gera mudanças de comportamento, reduzindo as probabilidades de envolvimento em acidentes.

O Programa está estruturado de tal maneira que o “estudante cidadão” é convidado a se envolver
nos seguintes aspectos:

Cuidados nos relacionamentos no trânsito;
Gentileza, harmonia, educação e segurança no trânsito;
Direção defensiva e primeiros socorros;
Conhecer a legislação de trânsito e saber aplicá-la;
Avaliar casos específicos da legislação para motociclistas, ciclistas e pedestres.
O estudo contribui para a formação de uma nova cultura no trânsito, construída a partir da conscientização, do conhecimento das leis, da gentileza, da educação e do estímulo à cidadania.

BUSQUE A EXCELÊNCIA: INVISTA NA SEGURANÇA DO SEU FUNCIONÁRIO.

Cidadania Também Vai de Moto

Público Alvo: condutores de veículos sobre duas rodas.

Livro
16,5×22,5 cm, 80 p.

Manual
16,5×22,5 cm

Cartela de adesivos
22×16 cm

COMPORTAMENTO SEGURO E PREVENTIVO NO TRÂNSITO

Um Programa que resultará em um impacto social significativo: a conscientização do motociclista da sua fragilidade e responsabilidade pela sua segurança e integridade física no ato de pilotar.

Com uma linguagem clara e direta, incentiva o motociclista a refletir e reavaliar sua conduta no trânsito, a adotar ações preventivas, minimizando as situações de risco. Orienta-o na aplicação da pilotagem defensiva. Enfatiza o respeito às leis de trânsito e ações em defesa da vida.

Estimula esforços de políticas públicas, instituições privadas, concessionárias, instituições escolares e a sociedade em geral para salvar vidas de jovens. Estes são as principais vítimas pertencentes à faixa economicamente mais produtiva e ativa, o que tem causado um intenso impacto social com o elevado número de vítimas fatais e invalidez permanente em consequência dos acidentes envolvendo o modal sobre duas rodas.

Guia de instrução
Apresenta orientações práticas

para a implementação do Programa, em diferentes segmentos e alcançar os objetivos propostos.
Pode ser desenvolvido em:
• Projetos educativos com alunos do Ensino Médio, uma vez que a moto é objeto de consumo dessa faixa etária;
• Empresas de mototáxi e motofrete ao realizar um curso de conscientização terão resultados em benefícios físicos, financeiros e sociais;
• Empresas concessionárias de veículos proporcionam um diferencial para seus clientes ao ofertar
curso de conscientização com material qualificado;
• Empresas privadas que primam pela segurança dos funcionários que utilizam a motocicleta como meio de transporte, investem em segurança de percurso, o que beneficia a todos: empresa, funcionário e familiares;
• Instituições responsáveis pela qualificação de motociclistas assumem a responsabilidade social diante da realidade brasileira.

SE VOCÊ ACHA A EDUCAÇÃO CARA, QUAL É O VALOR DE UMA VIDA?
PREPARE-SE: SEJA UM PILOTO DEFENSIVO!